quarta-feira, 2 de julho de 2008

Esquece que fiz parte de ti- Canção Terceira


Desespero,
Um flagelo,
É demais.
Eu não posso,
Não há volta,
E mesmo que digas que vou ser feliz,
Não é o que eu sinto, não é o que vejo em mim...
Por isso esquece,
Esquece que eu fiz parte de ti
Num belo dia, numa medodia,
Tu sentes o que eu escrevi...
Esquece que eu fiz parte de ti.
O abraço,
Foi um traço,
Que marcou.
Eu não posso,
Não há volta,
E mesmo que digas que vou ser feliz,
Não é o que eu sinto, não é o que vejo em mim...
É tempo de começar,
De dar asas ao querer,
Desta vez não vou tentar..
Acabou, vou esquecer...
Por isso esquece,
Esquece que eu fiz parte de ti
Num belo dia, numa medodia,
Tu sentes o que eu escrevi...
Esquece que eu fiz parte de ti.

2 comentários:

Tiago. disse...

Gostei. Bonito. Em Setembro depois oiço-ta cantar.

T i a g o.

Patrícia disse...

Ok... Obrigado pelo teu comentário.

:)